18 de dez de 2014

Look: Total Black

As festas de fim de ano estão bem aí e já começaram diversas confraternizações para comemorar a chegada de 2015. Este é um momento que inspira muito a autoanálise e reflexões sobre nossas atitudes e conquistas durante os meses que passaram, além de ser momento de renovar os planos, fazer novas projeções e tentar atrair coisas melhores para os dias que virão. 

Iniciar um novo ano é um ritual milenar, cheio de superstições diferentes pelo mundo afora, mas que guardam uma coisa em comum: a fé e a esperança de que tudo pode melhorar. 

Por conta desses anseios particulares que se reúnem ao mesmo dia (31 de dezembro), há quem faça mandinga, pule da ponte (costume italiano), há quem acredite que usar uma determinada cor pode atrair sorte, dinheiro ou amor e há até quem beije o primeiro que aparecer pela frente no momento da passagem do 31 pro dia primeiro no intuito de atrair muito contato físico durante o próximo ano. 



A verdade é que as tradições nesta data são tão intrínsecas na sociedade que raras são as pessoas que não tem medo de sair do costume e arriscar passar um ano sem sorte por conta de crenças que criaram ao longo dos séculos, costumes engraçados e cheios de mimetismos, que resultam em dezembros com muitos tutoriais e dicas completamente batidas do que usar no reveillon.

Eu parei para pensar esses dias, sobre essa vontade incessante que nós, seres humanos, temos de mudar. Seja aqui ou do outro lado do planeta, é possível notar em todas as sociedades essa característica inata dos povos de desejar mudanças boas para "o ano que vem". A gente tira apenas um dia no ano pra usar com fé uma cor de sorte, presentear com amor a família e amigos, entre outras atitudes que deviam seguir durante todo o ano. 

Foi pensando nesses costumes de tentar atrair os desejos com objetos e superstições, que montei um look como proposta de reflexão para as festas de fim de ano, quebrando completamente o padrão do total branco [para o Reveillon] ou o vermelho [no caso do Natal]. O preto para muitos simboliza luto e respeito, mas para mim é uma cor chave para quem quer elegância e contraste

Eu não acho que a cor da roupa que eu estiver usando pode atrair de verdade o sucesso em uma determinada área da minha vida, mas acredito que os nossos desejos reais no dia a dia e a luta para realizá-los é que realmente tem poder. Quero dizer que independente da cor da roupa, o importante é atrair o melhor e se jogar de cabeça no ano que vem, reforçando todos os dias a vontade de evoluir, seja no amor, na espiritualidade ou na vida profissional. Então, espero que gostem e me contem suas superstições, costumes e crenças para a virada de ano. Beijos, beijos.
       


About / Sobre meu Look:
Saia: Romwe
Top: Romwe
Bracelete: Kafé Acessórios


Para ouvir: Still Sane - Lorde


SIGA-ME // FOLLOW ME ON

6 comentários:

  1. Como sempre, um luxo. Adorei o look. Batom lindo! Xoxo' <3
    Não sou uma It | Fanpage | Sorteio de um layout

    ResponderExcluir
  2. Esse look ficou luxuoso, lindo. Eu sempre passo o ano novo de branco, mais nem é por superstição, é porque eu acho lindo look total branco

    ResponderExcluir
  3. Amei o look! Esse sapato <3
    fashionemcores.com

    ResponderExcluir
  4. Quanto estiloo hein. Vc esta lindaaaaaa. Seu cabelo é muito glamouroso :)
    www.blogdaka.com.br

    ResponderExcluir
  5. Claraaa, tu não sabe a felicidade que fiquei em ler teu post!! Eu to planejando passar a virada do ano de preto, e pra todo mundo que eu conto isso recebo sempre a mesma resposta: "Nossa, que horror!" "Depois não reclama, né." "Tá de luto?" QUE SACOOO!!
    Preto é uma cor que me deixa pra lá de feliz, e não consigo entender no que isso vai mudar meu 2015. O importante é nos sentirmos bem, não?

    E ah, não poderia deixar de dizer o quanto tu ficou MARAVILHOSA nesse look. Parabéns, sempre arrasa!! ♥

    ResponderExcluir