7 de mai de 2014

Especial Dia das Mães

As heranças genéticas são inevitáveis, mas nossa construção intelectual, valores, crenças e gostos são construídos pelo meio em que vivemos, por influência da família e pelo reflexo de nossas experiências durante a vida. Eu sempre falo que minha predileção pelas cores fortes foi uma herança do (bom) gosto da minha mãe, mas apesar de nos considerarmos diferentes em muitos aspectos, é inegável que meu caráter foi resultado de uma vida inteira grudada na saia da minha mãe, aprendendo todos os dias.



Quando eu era criança ansiava por chegar a idade certa para usar o tal batom vermelho que ela ousa todos os dias desde que me entendo por gente; E sabia que gostava muito de vermelho nas unhas, mas não percebia que toda essa influência vinha do meu subconsciente, que remetia sempre as elegantes mãos semanalmente pintadas de vermelho beterraba da minha mãe.

Minha mãe é clássica, sempre foi Plus size, mas tem uma postura que eu admiro tanto, que sequer consigo enxergar o "X" extra depois do L em sua etiqueta. Eu tenho o meu jeito mais "rebelde", mais ousado na hora de vestir, mas foi assim que aprendi dentro de casa: devemos respeitar as individualidades e escolhas do "outro". São valores que poucos aprendem e por isso acabam perdendo a graça de ser feliz como se é e a paz que dá o ato de respeitar o próximo.

Meu gosto por acessórios também veio dela: Anéis enormes, brincos pequenos, peças clássicas e impactantes. E claro, eu considero minha mãe um exemplo de elegância! 

Nos tempos de hoje, eu penso que presentear uma mãe, precisa ser um ato de carinho ao seu ego, a sua morada da alma. Portanto, não vale comprar panelas, toalhas ou qualquer item para a "casa", quando na verdade, as mulheres modernas, mesmo com a multifuncionalidade requerida, conseguem tempo para ser lindas! Assim, na lista de desejos da minha mãe, estão sempre acessórios, que a fazem sempre diferença no look que ela escolhe para encarar um dia inteiro de trabalho, casa e família. 

Neste ano, minha mãe já fez uma wishlist na Kek Bijoux e eu -filha de peixe...- também aproveitei para selecionar umas peças favoritas! Ela com seus toques clássicos, e eu com uma pegada bem mais básica e as vezes rocker, fizemos fotos com peças da KeK Bijoux para o dia das Mães, que compartilho agora com vocês. Espero que gostem! :* 



Dia das mães


Dia das mães



Fotografia: Clara Araújo


4 comentários:

  1. Que lindas!!! Eu adoraria que a minha mãe topasse tirar fotos comigo, mas ela foge de câmeras :(

    www.voamari.com

    ResponderExcluir
  2. Sabe o que eu achei mais bacana? Seu olhar de ternura nessas fotos! Você sempre tem um olhar muito forte nas fotos, mas nestas dá pra notar o carinho transbordando.

    ResponderExcluir