8 de set de 2011

Fashion Bikes

Eu nunca fui muito fã de bicicletas. Eu que só aprendi a andar de "magrela" aos doze anos, só tive chance de aproveitar o restinho da minha infância sobre duas rodas em umas férias absurdas que tive em 2003, mais ou menos. Depois de tanto tempo, quase dez anos passados, visitando sites de designers contemporâneos, tenho estado aluscinada por modelos antigos, com pneus brancos/creme e cesta de palha, bem no estilo dos filmes que assistia quando mais nova.

Além de ser um ótimo exercício para o corpo, a sensação de liberdade ao andar de bicicleta é única... Eu bem me lembro de como me sentia ao andar só de biquini e (muita) coragem pela estrada, saindo da chácara da minha família, com minhas primas, como malucas, cantando hahaha.

5570-Hanneli-Mustaparta-Bike-1010x521
8NeHLBvBS58NeHL4789730542_a088d6e200_b

O primeiro projeto conhecido de uma bicicleta foi um desenho de Leonardo da Vinci sem data e com o tempo vieram diversas evoluções nos modelos até chegarem ao padrão coetâneo. Mas o fato é que hoje em dia, esse meio de transporte tem voltado a se popularizar por questões sociais que envolvem saúde e sustentabilidade. Segundo informações da revista Super Interessante, pelo menos na Holanda, 14 milhões de habitantes se deslocam a bordo de 11 milhões de bicicletas. Eles saem de casa para ir às compras, ao cinema ou ao trabalho sem precisar passar pela dura batalha com o trânsito, com as poucas vagas de estacionamento ou, ainda, com a demora e a lotação dos ônibus. Na minha cidade, acho que o clima não favorece tanto assim esse meio de transporte, mas enfim, pelo menos para passeios nos fins de semana ou ao fim da tarde, valeria muito o investimento.

downtownfrombehind

Visitem os sites Papillionaire e Workcycles para ver mais modelos de bicicletas no estilo Retrô.