17 de jul de 2011

Que tal um Rolex?

Dizem que se alguém não tiver um ROLEX no pulso, na verdade não há pulso. E tecnicamente se não há pulso a pessoa está morta. Você algum dia já ouviu alguém dizer que um ROLEX falhou? Pois é, um Rolex nunca falha. Verdade? O fato é que ele é conhecido por nunca falhar.
Em 1905, depois de estágios em relojoarias da Suíça, o alemão Hans Wilsdorf fundou com seu cunhado, o inglês Alfred Davis, a empresa Wilsdorf & Davis. Em 1910, Wilsdorf mandou um de seus relógios para ser testado na Escola de Horologia da Suíça. A ele foi concedida a primeira classificação de cronômetro para um relógio de pulso do mundo. Outra validação ocorreu em 1914, quando o Observatório Kew de Londres certificou um relógio de pulso ROLEX com sendo tão preciso quanto um cronômetro marítimo.
Além de receber o prêmio de “Cronômetro”, os Rolex inauguraram os modelos de relógios a prova d’água. Então, à prova de umidade. À prova de água. À prova de calor. À prova de vibração. À prova de frio. À prova de poeira; Os Relógios Rolex passam por mais de 200 artesãos e técnicos que trabalham em um relógio antes que ele adquira a certificação. E com mais de cem anos de história, a marca ainda desponta em preferência.

roolexrolexrorolezxgucci

Tudo isso pra falar que estou vendendo alguns modelos de relógios, inclusive tenho variedades em Rolex, deixando-me assim a disposição de quem tiver interesse de adquiri-los. Vocês podem entrar em contato por e-mail ou telefone!

Para mais informações:
anaaclara@hotmail.com



3 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir