4 de set de 2008

RUAH – PARA INGLÊS VER - VERÃO 2008

No fim da década de 50 e início dos anos 60, a Inglaterra viu nascer uma subcultura denominada mod (abreviação para modernismo), movimento jovem que englobou comportamento, música e, obviamente, moda. E foi a visão extremamente cool deste grupo que definiu a coleção Verão 2008 da Ruah, apresentada na passarela do 1º Paraná Business Collection.A coleção da Ruah tem como base silhuetas mais ajustadas e comprimentos curtos (na parte feminina da coleção). Necessidade fashion do momento, apresentada em jeans, camisas, t-shirts e complementos, que detêm leve apelo vintage.A imagem buscada do estilista Alekcey Manfredini Contato e sua equipe vem da sofisticação que os mods buscavam na maneira de vestir, enquanto andavam de lambreta ou simplesmente dançavam e bebiam em pubs.O ar contemporâneo da Ruah é a tropicalização do estilo, com o uso de materiais e estruturas que remetem à época, mas com conforto e frescor tipicamente brasileiros.
Na cartela de cores estão dos tons neutros a cores mais robustas. Como referência direta ao mod, há destaque para amarelo, marrom, cáqui, bordô e muitos xadrezes, trabalhados em materiais como tricoline, gabardine, cetim, malha e jeans.Para compor os looks, a equipe do salão Lady & Lord preparou cabelos lisos e sombra em tons de amarelo.A marca surgiu em 1997, em Londrina, pela necessidade pessoal que Manfredini tinha de encontrar produtos de linguagem retrô. Foi quando ele começou a produzir peças de tricô para acervo próprio.A partir dos tricôs vieram jeans, camisetas, camisas, participações em eventos como Mercado Mundo Mix e a abertura da primeira loja em Londrina. Isto impulsionou a marca a se aventurar pela moda feminina, a partir de 2006. Atualmente, a Ruah é representada em todo o país, além de vender seus produtos em lojas próprias.
Foto: Daniel Sorrentino / Webclix

Nenhum comentário:

Postar um comentário